Usabilidade

1 Março 2006 Por Adriano Afonso

Um termo que eu achava que era meramente mais um termo brasileiro no meio de uma carrada e sites que encontrei, afinal é um termo também Português (Portugal, entenda-se) e com toda importância no campo do desenvolvimento, que abrange também as interfaces web, a programação gráfica, no geral, o modo como o humano interage com a maquina ou os objectos.
Quantas vezes já não aconteceu empurrar quando é para puxar, tentar abrir uma torneira numa casa de banho pública quando afinal nem abre. Isto afinal não é um problema nosso, mas sim um problema que remeta a questões do campo do design, da ergonomia, e da interacção do humano enquanto utilizador do objecto.

É aqui que entra a Usabilidade, é o termo que define a simples capacidade de manuseio de um objecto ou de um sistema, de forma fácil e intuitiva, rápida e, já agora, segura.
Mas a usabilidade não se cinge apenas á interacção entre utilizador-objecto/sistema, mas também a todas as formas que suportam essa interacção, tendo em conta as condições externas e internas, exemplo mais básico disso é por exemplo o sítio funcionar muito bem em Firefox, mas simplesmente não funcionar em IE, ou vive-versa (que é o mais frequente devido á falta de cuidado dos programadores/designers).
A melhor maneira de sabermos se o sistema que estamos a desenhar é um bom exemplo de usabilidade é, no caso de um sítio, por a nossa mãe que nunca agarrou num rato a navegar pela página. Imediatamente obtemos um feedback, se a forma como o desenhamos está correcta, se está lento, se está rápido, se está leve, se está atraente.

Eu sei que é exactamente o maior pesadelo de um designer de interfaces trabalhar com um “leigo” na matéria, mas é exactamente esse provavelmente o tipo de utilizador que interessa ao nosso cliente. Não é o nosso cliente que deve ficar satisfeito, mas sim os clientes/visitantes do nosso cliente.
Envolver essas pessoas “normais”, testar e identificar os problemas, corrigi-los. Testar, Identificar, Corrigir. É este o ciclo.

Felizmente já existe cá em Portugal uma Associação de nome APPU, diminutivo de Associação Portuguesa de Profissionais de Usabilidade, com sede em Loures e com um site (por acaso com uma boa usabilidade) e um Fórum que abrange varias temáticas.

Alguma leitura adicional
http://www.uidesign.net/2000/papers/evangelize.html
http://blogdeusabilidade.blogspot.com/